domingo, 21 de abril de 2013


1 comentário:

  1. Eu nunca vou entender porque você é exatamente o que eu quero, eu sou exatamente o que você quer, mas as nossas exatidões não funcionam numa conta de mais...

    ResponderEliminar